Tag Archive | Era de Aquário

MÃE MARIA – Mãe Divina do Ocidente

MÃE MARIA - MANTO AZUL

MÃE MARIA

Mãe Divina do Ocidente

Da mesma forma que Kuan Yin é reverenciada no Oriente, Mãe Maria é reverenciada como a Mãe Divina no Ocidente. Especialmente na tradição católica, Maria é considerada a mediadora divina. Ela abre a porta para nossa compreensão da encarnação da consciência crística. Como nutriu e cuidou do Cristo em seu filho Jesus, também pode nos ajudar a nos tornar a plenitude do nosso Cristo Pessoal. Assim como manteve o conceito imaculado por Ele, resolutamente ela o mantém por nós.

Podemos considerar Maria como uma verdadeira amiga e irmã mais velha na senda que pode nos guiar e abençoar. Mãe Maria pode ser uma presença tão real em nossas vidas, que podemos convidá-la para entrar em nossas casas, por assim dizer, tomar uma xícara de chá e conversar sobre os nossos problemas, sabendo que ela nos dará o benefício do seu imaculado coração. Podemos estabelecer um relacionamento pessoal com ela, como mãe, e confiar que sua graça e conselho seguramente nos guiarão, se estivermos dispostos a escutar e segui-los verdadeiramente.Algumas encarnações de Mãe Maria.

Nossa Senhora pertence ao Reino dos Anjos. Ela é a alma gêmea de Arcanjo Rafael do Quinto Raio. Maria foi selecionada por Alfa e Ômega para encarnar nos planos da matéria, a fim de dar à luz o Cristo, ou seja, o Verbo encarnado. Foram, portanto, Nossa Senhora e São José que estabeleceram o padrão arquetípico do Cristo para a Sexta Raça Raiz, isto, é para a Era de Peixes.

Ao manifestar dentro da sua alma a plenitude da presença de Deus, como Mãe, ela deu o exemplo da vitória da verdadeira Mulher e da Ascensão do princípio feminino na Era de Peixes. Ela presta serviço no Quinto Raio da Verdade, da concentração, da constância, da ciência, da cura e da precipitação.
Nos primeiros tempos da Atlântida, Maria serviu no Templo da Verdade, onde era uma sacerdotisa do Altíssimo, ali estudando as artes curativas e as leis que governam o fluxo da energia divina dos planos do Espírito para os planos da Matéria. Ela aprendeu que toda doença, degeneração e morte são causadas por impedimentos do fluxo de energia em algum ponto dos quatro corpos inferiores do ser humano, e que este bloqueio de energia resulta do abuso do Fogo Sagrado e do carma negativo. Tendo alcançado um estado de unidade com a Virgem Cósmica, Maria deixou na Atlântida um foco e uma Chama que poderá manifestar-se novamente em uma Era de Ouro, como um centro de cura.

No tempo do Profeta Samuel, Maria foi chamada pelo Senhor para ser a mulher de José e a mãe de seus oito filhos. No cumprimento da sua função de representante do Raio Materno, Maria deu à luz sete filhos, cada um deles representando um dos Sete Raios da Consciência Crística, enquanto o oitavo David representou o Oitavo Raio da Integração. David, o autor dos Salmos, foi uma das encarnações de Jesus Cristo.

Na sua encarnação final, Maria nasceu em Nazaré e foi educada no Templo em Jerusalém; seus pais, Ana e Joaquim, eram iniciados da Grande Fraternidade Branca e seguiam os ensinamentos da comunidade essênia, ensinamentos estes que lhes permitiram tornar-se como “cálices” aceitáveis para a encarnação da Consciência Virginal de Maria. Ana e Joaquim, assim, deram Maria à luz, porque anteriormente já haviam dedicado suas vidas ao cumprimento do Plano Divino. Um anjo do Senhor apareceu-lhes e anunciou o nascimento da Virgem, dizendo-lhes também que a filha daria à luz o Filho de Deus, o qual havia de provar perante as multidões da Judéia as Leis da Alquimia Divina e a possibilidade de o homem ou a mulher cristificados se tornarem Senhores sobre o pecado, a doença e a morte.

A Era de Aquário e a Ave Maria

Esta Era está destinada a ser uma era da expansão e elevação da Luz do Espírito Santo e da Mãe Divina nos indivíduos e na Terra. Podemos invocar a intercessão de Mãe Maria para acelerar esse processo, pela sua intercessão e patrocínio em cada um de nós. Ao adorarmos à Luz da Mãe que Mãe Maria personifica, começamos a absorver sua graça em nossos seres e a elevar a energia da Mãe Divina em nós, do chacra da base da espinha até a coroa.

Uma forma de elevação da Luz pela espinha é a recitação da Ave Maria, ditada por Mãe Maria à Elizabeth Clare Prophet. Podemos repetir a oração quantas vezes quisermos. Meditamos nas palavras, centrados em nosso coração e no coração da Mãe Maria, que nos ajudará a alcançar a plenitude da estatura do nosso Cristo Pessoal, como um filho ou filha de Deus, aqui e agora.

Ave Maria, cheia de graça,
O Senhor é convosco.
Bendita sois vós entre as mulheres,
E bendito é o Fruto do vosso ventre, Jesus.

Santa Maria, Mãe de Deus,
Rogai por nós, filhos e filhas de Deus,
Agora e na hora da nossa vitória
Sobre o pecado, a doença e a morte.

Mãe Maria nos instruiu sobre um método especial de nos dirigir a ela e a Kuan Yin, Mãe Divina do Oriente.
“Estou convosco na Ave Maria. Podeis recitá-la alternadamente com o Om Mani Padme Hum, e Kuan Yin e eu teremos uma guirlanda púrpura e esmeralda, uma corda que se torna uma corda salva-vidas, que desce nos abismos astrais. Pegue a corda. Pegue a corda. Agarre a corda da Mãe Divina. Ascenda das profundezas para as Alturas. Isso pode ser feito!”

- maravilhosa FLORES ROSA

FRATERNIDADE DOS GUARDIÃES DA CHAMA:

http://www.guardiaesdachama.com.br/

Advertisements
Ensinamentos dos Mestres Ascensos

This WordPress.com site is the cat’s pajamas

Blog do Renato Nalini

Secretário da Educação do Estado de São Paulo, Imortal da Academia Paulista de Letras e Membro da Academia Brasileira da Educação.

The Daily Post

The Art and Craft of Blogging

The WordPress.com Blog

The latest news on WordPress.com and the WordPress community.